2 de janeiro de 2010

Folia de Reis


Um grupo de foliões estão mantendo viva em Paiçandu,  uma tradição de anos: A folia de Reis.  A visitação das casas, que começa no  final de dezembro e vai até o dia 06 de janeiro, já não empolga tanto os moradores à recebê-los, como puder perceber hoje.
Alguns até fecham as casas  e se escondem. É o preço da vida moderna. Na minha infância eu acompanhei muitas folias e realmente a coisa parecia ser mais séria.
Mas que bom que ainda temos pessoas que procuram  preservar esta manifestação folclórica e religiosa.

3 comentários:

Rosinéia Diana Balbino disse...

Eu tinha medo da folia de reis, quando criança.
Uma vez morava no sítio ainda criança e chegaram com uma história de cortar a jaca. E na época tinha uma jaca em casa, eu chorei um monte pois aquela gente ia cortar a jaca de casa, abri a boca, me escondi embaixo da cama de medo.
Depois fiquei sabendo que o cortar a jaca naquela época para eles era uma dança... nunca me esqueci... rsrsrs
Mas até hoje ainda sinto um medinho... Mesmo crescendo e sabendo o verdadeiro sentido da festa de reis.

Anônimo disse...

A folia de Reis em Paiçandu é formada só dos butequeiros e tranqueiras e de véios q só tão a carcassa. Teve um tempo q era bom aqui pois havia até concurso de folia de Reis no ginasio, agora esses kara quem aguenta!!!

Anônimo disse...

parabens pelo blog...
Na musica country VIRGINIA DE MAURO a LULLY de BETO CARRERO vem fazendo o maior sucesso com seu CD MUNDO ENCANTADO em homenagem ao Parque Temático em PENHA/SC. Asssistam no YOUTUBE sessão TRAPINHASTUBE, musicas como: CAVALEIRO DA VITÓRIA, MEU PADRINHO BETO CARRERO, ENTRE OUTRAS...
VIRGINIA DE MAURO a LULLY é o sonho eterno de BETO CARRERO e a mão de DEUS.