7 de fevereiro de 2010

Dossiê

Todos queremos o melhor para a cidade. Que algumas necessidades não são satisfatoriamente cumpridas, todos sabemos.
E sabemos também, que existe muitas opiniões, e interesses, em Paiçandu, quando o assunto é Saúde. É claro que ainda existe muito por fazer.
Mas o que pensar destes comentários:

"Minha esposa trabalha no Hospital, e comentou isso comigo, só que não é só isso que falta não, estão passando Pano só com agua no chão porque n tem produto de limpeza,tb lavando roupa sem produto, e tb tem uma Enfermeira padrão que trabalhou na noite de quarta feira dia 03 que esconde de paciente quando tem emergência é difícil ver este drama minha esposa disse"

E mais:

"Sei q será perseguida, mais estou montando um Dossie, sobre as faltas constante de tudo no hospital e vou entregar Para o Dr Gilberto dia 12 na Camara e tenho certeza que irão pedir a transferência da minha esposa do hospital,provavelmente mandarão para agua boa, Mas não tem nada não, 3 anos passa rapido, e com a entrega do dossie sairei do anonimato, mas a perseguição continuará. ...
... e não tenho rabo preso pq minha esposa é funcionária, sou um cidadão comum e já q o conselho de saude e quem esta no poder não faz nada vou fazer minha parte"

Será verdade tudo isto? 
O fato é que a população não está tendo um atendimento legal. Algo precisa ser feito, e o espaço está aberto para todos que quiserem se manifestar.

Comentários feitos nesta Postagem.



23 comentários:

Anônimo disse...

se tudo for serio deve mesmo aparecer pois podem estar brincando com a vida do povo fala serio

Anônimo disse...

veja bem ,que a saude vai de mal a pior , não é segredo para ninguem, que estão tampando o sol com a peneira , todo paiçanduense esclarecido sabe , porisso acredito nas palavras desta pessoa , pois a perseguição de funcionarios da saude não é novidade neste municipio um exemplo mais recente fora de um enfermeiro e uma auiliar do hospital. Isso é detestável. mas 03 anos passam rápido!

Anônimo disse...

Sobre o Dôssie, Tb deveriam fazer um relatório {Oficio) do q precisa o hospital e entregar ao Secretário Gilberto Martin, quem sabe ele liberaria umas verbas para comprar os equipamentos sucateados e liberar o que falta.

Anônimo disse...

Falam muito da administradora Marly mais na verdade se não fosse ela na Saúde de Paiçandu, o Barco afundava de verdade,

Anônimo disse...

Concordo com o Anônimo Acima, ela demonstra q entende das coisas de saude mas tenho certeza que se esta faltando tudo no Hospital a culpa não é dela, pq ela não mexe com a finanças da secretaria de saúde e pelo meu pouco conhecimento de Saúde ela tem um grande respeito e respaldo da décima quinta regional.

Anônimo disse...

Quem será q recepcionará o Dr. Gilberto Martim ? Quem Acertar vai ganhar uma consulta no São José

Anônimo disse...

Respeito e respaldo da Regional de Saúde é dificil, pois o chefe da Regional está afastado, e tem uma provisória até o Persutti assumir em abril.

Letícia disse...

Quanto ao comentario desse anônimo de que se não fôsse a Marly o barco afundava de verdade.Mas o barco já afundou a muito tempo, e Marly não faz diferença, pois ela trabalhou num pequeno Hospital de Itambé.

Anônimo disse...

Coitado do São José, já teve seus tempos de glória e hoje estão ofereçendo uma consulta com ironia.

Anônimo disse...

Pôxa< que pena que o Dr Vieira não participou do evento do Dr Gilberto, estive lá para entregar o Dôssie< mais queria entregar em mãos do Dr. Vieira para ele entregar para o Dr Gilberto, mais terá uma outra oportunidade, apesar de não conhecer o Dr. Vieira, mais perguntei para o pessoal se o Dr Vieira estava presente e se estava mentiram para mim.

Dr. Vieira disse...

Eu queria falar para o anônimo das 19;30 que realmente não participei do evento do Dr. Gilberto, pois trabalho em Assai distante 2 hs. de carro de Paiçandu. No entanto sou muito amigo do Dr. Gilberto e devo ter uma audiência com ele agora na 2ª quinzena de fevereiro.

Anônimo disse...

Não entendo essa do anônimo das 19;30. Se você tinha um dossiê, e você mesmo falou que queria entregar pró Dr. Gilberto que é um cara bem accessivel. O efeito seria o mesmo.

Dr. Vieira disse...

Não entendí essa do anônimo das 19;30 . Você mesmo falou no blog que queria entregar um dossiê ao Dr. Gilberto. Ou será que você é o Célio que queria conturbar a situação, deixando todo mundo na expectativa. O Célio já entrou 3 vêzes como anônimo hoje. Conheço o linguajar dele.

Dr. Vieira disse...

Eu queria que a população de Paiçandu fizesse a seguinte comparação; nos 5 anos que estive á frente do Hospital São José consegui 4 emendas de verbas federais. 3 com o deputado Balbinoti e 1 com o Deputado pastor Oliveira. Foram as seguintes; ampliação de 2 para 4 salas de cirurgias, ampliação de 4 enfermarias ou l6 leitos, UTI com 280m2, área fisica da Tomografia, além de construir com recursos próprios, todo o muro, 10 garagens, e área de lazer, além de fazer 1 poço artesiano. Quando Moacir assumiu 5 anos e 1 do Vladão, nada se fêz, nem terminar a UTI. Segundo informações os lençois ainda tem marca do São José, e um foco da Sala de cirurgia é amarrado com barbante. Não se faz cirurgias, e as 400 AIHS que o São José trabalhava, Moacir doou para Sarandi e Itambé, recuperando apenas 150. Mas e as outras? Os vereadores precisam cobrar isso, pois se não tem AIH não tem dinheiro.

Anônimo disse...

Uma pergunta e estes vereadores sabe o que é A.I.H ?

Anônimo disse...

Que absurdo, estive ontem no hospital e tinha um Pai reclamando que seu filho estava desde as 22 horas do dia anterior aguardando para fazer um RX e foi informado que o Raio X seria feito sómente as 13 horas, que absurdo não ter raio x de manhã nos feriados e finais de semanas num hospital que atende 24 horas.

Anônimo disse...

Pois bem anônimo das 08;43, a situação do Hospital Municipal é realmente essa;15 hs. para fazer um Rx, falta médicos plantonistas, falta comida para os funcionários, falta material de limpêza. Não se faz cirurgias, não tem médicos especialistas, tem 2 ortopedistas que não operam. Hoje segunda feira de carnaval liguei no Hospital Pró Vida de Assai e tinha 10 cirurgias sendo feitas e na quarta-feira de cinza estão marcadas 12.

Anônimo disse...

E a "FARTURA"...continua!!! FARTA tudo, materiais de limpeza, comida, funcionários e principalmente boa vontade.

Anônimo disse...

Realmente tb concordo com o anônimo das 6:22,acho tb que os vereadores não sabe nem o significado de A.I.H, mais com certeza ele irão perguntar para o professor Dr Vieira o significado, e depois das aulas com o Prof. eles virão aqui no blog com certeza e explicam qual o significado de AIH.

Dr. Vieira disse...

Pois bem gente, AIH significa autorização de internamento hospitalar, é uma espécie de cheque que dependendo do procedimento vale x. Uma cirurgia de amigdala vai uma AIH, mas o valor é diferenciado de uma cirurgia de Video artroscopis de joelho. No meu tempo no São José eu trabalhava com 400 AIHS. Hoje o municipal trabalha com 150 AIHS. Porque? Pergunte pró Moacir? Foi ele que doou para Sarandi e Itambé. Hoje eu trabalho no Pró Vida com 600 AIHS. Porque, se Assai é menor que Paiçandu? É que nós temos pactuações com outros municipios que mandam seus pacientes e repassam as AIHS.

Anônimo disse...

Este é o Mestre dr Viera sabe realmente tudo sobre saude, agora com certeza vai aparecer um vereador e dizer o significado da palavra AIH.

Dr. Vieira disse...

Na verdade quem doou as AIHS para Sarandi e Itambé e que hoje estão dificeis de voltar , foi o Nelson Dayane como Secretario de Saúde. Talvez ele nem tenha comunicado ao Moacir, pois ele sempre se achou o tal. Agora, o Célio tem dificuldades de trazer as mesmas de volta, que é um direito do municipio. Porque a Maria Rita não aproveitou a vinda do Gilberto e fêz esse pedido.

Anônimo disse...

Sera que esses comentarios sao mesmo do Dr.Vieira? Quem pode garantir que nao seja outra pessoa usando o nome dele.