3 de março de 2010

Palavra de quem está lá

Leitora deixa seu depoimento sobre a situação dos funcionários do Hospital Municiapal, e,  que ao que parece, poderá complicar diante das recentes decisões do prefeito:

 "realmente a situação do hospital está um caos, mas todos da enfermagem que exercem seu cargo tem registro no Corem(conselho regional de enfermagem), e me julgo compotente na minha função desenvolvida, esta dificil o trabalho lá por falta de instrumentos de trabalho, descaso com pacientes,  quartos que poderiam ter no minimo 3 leitos, tem 5 leitos, sem espaço até da enfermagem trabalhar, alem de lotados os quartos ainda sem ventiladores, demanda grande de atendimento, poucos funcionarios, sem contar agora a retirada de HE , em converssa com amigos da enfermagem entramos em consenso, que , nosso edital é de 35 horas semanais, então, vamos fazer 6 horas de seg a sex e 5 horas no sabado ou domingo, ou 6 horas semanais e um plantão de 12 horas a cada 15 dias, porque não temos interesses em banco de horas, e a revolta é grande sabendo que os ccs continuam. Ressalto tb , que tem algumas pessoas que são cc que ainda trabalham e até mereciam continuar , mais a maioria affff só puxa saco e acumula gastos na folha de pagamento, realmente PAIÇANDU precisa de uma reviravolta geral, o povo precisa se unir e fazer a diferença, vamos lá população de PAIÇANDU vamos dar o GRITO DE CHEGAAAAAAAAAA . Não adianta ficar metendo o pau nos funcionários que estão sofrendo com vcs , temos que cobrar das pessoas certas. 
LÉIA , funcionária do Hospital São José."

Comentário feito nesta postagem.

32 comentários:

Anônimo disse...

Esse depoimento da funcionária do Hospital Municipal, vem simplesmente dar um passaporte a todas as considerações que são feitas da situação do Hospital aqui no Blog. Não é de hoje que muitos reclamam que o Hospital vai mal. Vladão sabia disso , mas preferia empurar com a barriga. Manter o Célio, deixar o Célio gastar, agora que acendeu a luz vermelha no Tribunal de Contas ele quer resolver o problema.

Anônimo disse...

Jubim o que você me diz do depoimento da Léia, funcionária do Hospital Municipal. Ela deu grito de socorro, que tenho certêza é o pensamento dos 70 funcionárioas que trabalham no Hospital Municipal sem condições. O que fêz o presidente do CMS? Nada. Ele não fala nada. E os outros 55 membros co CMS. Ora dos 56 poucos entendem de Hospital.

José Cleilton Jubin - Presidente do CMS disse...

Em resposta aos comentarios acima, tenho a informar os senhores o seguinte: A mesma coragem que ela teve para fazer a denuncia aqui neste BLOG, ela deveria ter para ir ao Conselho de Saúde. Afinal estamos lá para defender interesses da Comunidade e Trabalhadores da Saúde. Sempre que este Conselho foi solicitado, posso lhe afirmar que foi debatido o assunto e encaminhado para se tomar providencias. Não somos Gestores, a competencia de se resolver as questões são deles, afinal ganham para isso. Nosso trabalho é acompanhar, fiscalizar, dar sugestões e deliberar matérias sobre saúde. Caso o Gestor não concorde,procuramos Órgãos de apoio fora para devidas providencias, mas quem entende de Leis, sabe que isso demora, mas acaba tendo solução.

Anônimo disse...

Vergonha isso....Os poucos funcionários já não dão conta da demanda do hospital e agora tiram a hora extra do pessoal!!!! Ao invés de receberem aumento pelo acúmulo de funções que cada um deve fazer para manter o hospital funcionando, levam um tapa na cara com o corte do extra. Porque não diminuem as contas cortando os CCs e controlando melhor as verbas públicas. O povo paga seus impostos e quer um atendimento digno na Saúde. Enfermeiros e funcionários deveriam ntrar em greve contra esse absurdo.

Anônimo disse...

Parabens Léia pela sua coragem e se todos os funcionários tivessem esta coragem, com certeza as coisas iriam melhorar. Um abraço a vc

Anônimo disse...

Concordo plenamente com a Léia, também sou funcionária de lá e a situação é exatamente essa.

Anônimo disse...

Logo logo ela é exonerada!!!

Anônimo disse...

É ISSO AI NÃO SÓ LA NO HOSPITAL ESTA ASSIM NO POSTO DE SAUDE TAMBEM OS MEDICOS AO PSF FORAM TODOS EMBORA TÁ UM CAOS TEM UM UNICO MÉDICO PARA ATENDER DUAS AREAS E O HOSPITAL TAMBEM UM DIA É UM OUTRO DIA É OUTRO OUTRO DIA NENHUM RECEITAS DE REMEDIOS CONTROLADOS NÃO ESTAO SENDO FEITAS A POPULAÇÃO TEM QUE ACORDAR ...ELES MALTRATÃO O FUCIONARIO CHINGÃO AS RECEPCIONISTAS NAO~VAI ADIANTAR NADA...SE A POPULAÇÃO NÃO FOR NO LUGAR CERTO NÃO IRA ADIANTAR NADA...ACORDAAAA PAIÇANDU MAIS 6 MESES VAI TUDO PRO BURRACO....SEM VOLTA...

Anônimo disse...

CONCODO COM LEIA NÃO SÓ LÁ E UM CAOS MAS NO POSTO DE SAUDE TAMBEM A IGUINORANÇIA DO CÉLIO É TÃO GRANDE QUE OS MÉDICOS DA FAMILIA DO PSF FORAM TODOS EMBORA....A SAUDE JA ESTEVE MAL MAS AGORA ESTA MUUUUIIIITOOO PIOR ACORDA POPULAÇÃO O PODER É DI VOCEIS....

Anônimo disse...

se até a funcionária esta reclamando é que realmente a situação esta feia, e isso só resta uma coisa, a demissão do celio da saude e a renuncia do prefeito por incompetência, pois não é possivel que um administrador chegue a esse ponto é uma vergonha né boris cassoy.

Anônimo disse...

Tambem fui funcionária do Hospital são José, a coisa lá é feia e muito mais que a Léia fala. Coragens funcionários.

Anônimo disse...

Porque o Prefeito Vladão não faz igual o Prefeito de Sarandi, mandou embora um Figurão da secretaria de saude, e colocou um concursado no lugar isto que é valorizar o Funcionário, ou será que em Paiçandu não tem um funcionário a altura para administrar esta secretaria

Anônimo disse...

Léia, Tambem sou da Saude vamos unir força e fazer um abaixo assinado para tirar o Célio, e se vc sofrer represálias pelas verdades que vc falou, continue denunciando no blog com certeza os funcionários da saude estão do teu lado.

Anônimo disse...

Léia com este corte de horas extras vamos fazer uma parada de protesto por duas horas num dia no outro 4 horas e assim por diante e nos finais de semana fazer um piquet em frente o hospital e não deixar nenhum funcionário entrar, vou conversar com a Elivânia e com o Jubim, sobre a legalidade do protesto. e querer o apoio deles.Vc Topa

Anônimo disse...

opa pera ai gente, mais baderna.
porque não se reunem, para apresentar idéias, soluções para os problemas, organizada e civilizadamente.
ou sera que ninguém tem uma idéiazinha sequer para compartilhar.

leia disse...

topo sim oque for de beneficio a população e pra nós tb, vamos unir forças com o povo para entrar nessa batalha com a gente,vamos nos organizar, vamos ver tudo certinho, consultar um advogado para fazer tudo dentro da lei, com respaldo, por que como sabem a corda sempre quebra do lado mais fraco,e que possamos tb nao sermos perseguidos, pois ainda creio na democracia e liberdade de expressão.

Anônimo disse...

Ao anônimo das 12;43. Você está perdendo o tempo indo falar com o Jubim. Diante de tantas denuncias no Hospital, no Pôsto de Saúde, no PSF, na Odontologia, na dengue. Carlos de Paula de Sarandi tirou um dos diretores do Metropolitano da Secretaria de Saúde e nomeou um funcionário de carreira. Parabéns sarandi.

Francisco Vieira Filho disse...

Eu acho que na Secretaria de Saúde de Paiçandu tem muitos funcionários competentes que podem ser indicados para a Secretaria de Saúde. O que não pode é continuar o Célio. Aí Vladão você quer afundar o barco.

Rafael disse...

Pessoal, conforme orientação do Supremo Tribunal Federal os há restrições para greves nos serviços públicos de saúde. Creio que esta não seja a melhor idéia, podendo inclusive culminar com a demissão justificada de servidores do Hospital.

Quanto ao abaixo assinado para tirar esses CC's que foram reprovados pela população e acolhidos pelo prefeito municipal, serei um dos primeiros a assinar. O ideal seria nomear um servidor experiente da área da saúde.

Quanto a represálias é só noticiar o Ministério Público.

Anônimo disse...

^realmente esse hospital esta com o reflexo do que ja esta a cidade de paiçandu.e ae carlinhos da creche? onde esta voce,que se dizia defensor dos funcionarios.hoje se mostra alheioe dizendo sim ao prefeito e ao secretario da saude.sera que tudo isso vai valer a pena?afinal voce queria ser vereador para que?se voce continuar assim voce acha que sera vereador de novo?acorda ainda da tempo.

Anônimo disse...

é concordo com voce léia.mas tem um probleminha la dentro,que sao funcionarios que sao coniventes com coisas erradas,acobertam medicos,sao os verdadeiros puxa sacos.mulheres e mais mulheres chegam p ter seu primeiro filho e acabam perdendo,por falta de medico no setor da obstetricia,axiliares fazendo partos de prematuros sem ao menos sequer um medico por perto.e nao tem coragem de denunciar.axiliares fazendo o trablho de medico.por isso que ta tudo errado la dentro.por falta de denuncia conivencia.

Anônimo disse...

Eu queria dizer a esse anônimo que o Carlos da Creche é muito corajoso. Numa da ultimas reuniões da Camara ele mandou brasa na saúde e no Prefeito. No outro dia o Vladão mandar chamá-lo e falou assim; é você é funcionário da prefeitura. O Carlos da Creche falou; a partir de agora não sou mais e não quero nem telefone da Camara, é tanto que o telefone dele mudou da Oi, para Tim.

Anônimo disse...

È concordo com o anônimo das 14;48. Aquela denuncia aqui no blog que tinha funcionárias do Hospital Municipal exerçendo função de auxiliar de enfermagem sem habilidade, sem estar registrada no Coren, fazendo partos sem presença de médicos, fazendo água destilada na veia de pacientes e dizendo que era antibióticos. Picando 10 vêzes a veia de uma criança de 5 anos e quando a criança chorava muito, dopavam com medicamentos.

Anônimo disse...

Léia você deu um grito de alerta, espero que você não seja conivente com as denuncias do anônimo das 14;48, que são graves e pode levar ao fechamento do Hospital.

Anônimo disse...

Tambem fiquei sabendo que as Enfermeiras, moram todas em Maringá, e elas não estão nem ai com a população, o importante delas é que o dinheiro vem todo mes,e as que moram em paiçandu não querem nem saber de trabalhar no Hospital, as que trabalhavam pediram demissão ou transferência, por ver tanta negligência naquele hospital,e elas não queriam compartilhar os erros com as enfermeiras Maringá.

Anônimo disse...

faz tempo que coisas erradas acontecem la dentro.e se falarem ainda perdem o emprego e serao mandadas para o posto de saude ou ficarao a disposiçao.sacanagem.

Anônimo disse...

Queria conhecer esta Léia, e parabeniza-lo pela sua coragem de fazer este comentário, e tb concordo com os anônimos acimas em que os demais funcionários tem que se unir a ela e fazer manifestações pelo bem da população de Paiçandu, principalmente a Saude que realmente esta um Caos.

Anônimo disse...

A Imprensa escrita, falada e Televisionada, deveria fazer uma visita de surpresa no Hospital e Ouvir Paciente, Funcionários e Médicos e mostrar a realidade do Hospital, com isso a população teria uma visão, como eles estão sendo tratados naquele Hospital.

Anônimo disse...

Parabens! Pela corajem em dar este grito de socorro,pois todos até hoje que alertaram sobre o circo que esteve a prefeitura e o conselho foram cruxificados pelo conselho e por prefeitos,acredito que todos estão no mesmo saco,e Paiçandu vai piorar mais ainda, esse jubim fala de boca cheia O CONSELHO ESTÁ AQUI, ora se está porque não denuncia não coloca a boca no trombone, não sobe nos tamancos?? acho que sei porque, por exemplo, o posto de agua boa foi reformado ou seja ampliaram mais ou menos 20 metros quadrados, e sabem quanto isto custou para os cofres publicos 50 mil reais e veja, com a mão de obra da prefeitura, mais onde estava o conselho para FISCALIZAR????? Então são por estes motivos que acredito que estamos perdidos!!!! MAS O VERDADEIRO CULPADO POR ESTARMOS ASIM SOMOS NÓS MESMOS!
BJS LÉIA! ESTAMOS COM VC!!!!!!!!!!!!

dona aparecida disse...

Infelizmente tudo que foi dito por essa funcionaria é real o hospital esta um caos com alta demanda de paciente e poucos funcionarios sou usuaria o que vejo é demora no atendimento funcionario se desdobra em 3 paciente desconta sua revolta na recepção e nos enfermeiros fora o mal estado de consevação do hospital estava de acompanhante e vi baratas passear no quarto em pleno dia a enfermeira tambem viu e ficou sem graça,tenho que dizer que a saude esta mal acessorada dentro e fora do hospital até quando vamos aguentar isso acorda Paiçandu podem falar o que quiserem mas a melhor epoca foi do dr Vieira não estou com demagogia não sou polica apenas uma usuaria do serviço.

José Cleilton Jubin - Presidente do CMS disse...

Ao anonimo do dia 09/03/10, das 15:16, voce é mau informado mesmo, pelo jeito gosta muito é de fazer fofoca, caso contrario se identificaria e faria suas denuncias no Conselho ou no Ministério Público, que é os meios legais, ou pra voce o Ministério Público tambem não funciona, não fiscaliza. Pode não resolver mas dá uma dor de cabeça para quem faz coisa errada. Quanto a questão da ampliação do Posto de Agua Boa, foi uma empresa contratada através de licitação. A obra foi gasto aproximadamente 50.000 mil reais. Nós Conselheiros também não concordamos com o preço para uma obra de 27 metros quadrados. O Conselho vem aprovando as contas da Saúde do Municipio com ressalva, por este motivo e outros, que até o presente momento não obtivemos respostas dos Gestores, inclusive dos vereadores que deveriam acompanhar e fiscalizar, onde nós Conselheiros pedimos um parecer do Legislativo sobre as contas de 2009, e até o presente não obtivemos resposta. faço um apelo aqui neste BLOG para voce:CONVERSE COM SEU VEREADOR PARA NOS AJUDAR A FISCALIZAR E ACOMPANHAR, E PEDIR AO PRESIDENTE DA CAMARA PARA FORNECER A ESTE CONSELHO O PARECER DO LEGISLATIVO SOBRE AS CONTAS DA SAÚDE NO ANO DE 2009.

Anônimo disse...

È isso aí Jubin, cadê os vereadores?
mas, quer um conselho, cobra deles sem cessar, e se eles nao fornecerem o parecer sobre as contas da Saúde comunique o executivo ou seja o prefeito, se é que vai resolver alguma coisa ne!