24 de setembro de 2009

Deus e dinheiro


A Campanha da Fraternidade que será lançada em 17 de fevereiro do ano que vem, 2010, terá um tema que promete discussão e reflexão: "Economia e vida". E o lema "Vocês não podem servir a Deus e ao dinheiro". A campanha será ecumênica pela terceira vez, reunirá as cinco igrejas do Conselho Nacional das Igrejas Cristãs do Brasil, entre elas a Católica.
Um dos textos da campanha diz:
"As comunidades cristãs precisam resistir à tentação de transformar o culto a Deus em moeda para a obtenção de prosperidade. O cristão é um servidor, não alguém que recorre a Deus em busca de favores", diz trecho na página 66 do documento.

2 comentários:

Leidy Anne disse...

Me perdoe o comentário,mas muitos "líderes evangélicos" se sentirão afrontados com essa campanha da fraternidade (que sem dúvida a esta altura da vida está perfeita).As pessoas servem,vivem,matam,e cometem todo tipo de delito pura e simplesmente por causa do deus Dinheiro,neste mundo claramente capitalista e consumista.Eu não sou católica,mas estimo muito a igreja,e uma vez que as igrejas evangélicas tem virado comércio,a palavra de Deus é vendida claramente.Sinto nojo ao ver que "templos" são abertos indefinidamente por metro quadrado,depois da campanha em prol da Amazônia,da Água,Defesa da Vida,e a Segurança Pública,nada mais justo do que fazer as pessoas refletirem sobre a fé e o dinheiro!Perfeito!

Felipe Franchesco disse...

hsuhuhhsaush
Irônico isso, não!?
-------------------------------------
Impressão minha ou a galera, pelo menos por aqui, estima mais um Estado estrangeiro do que o seu próprio?