16 de agosto de 2009

Terceirização da saúde

A cidade de Paiçandu foi entre todas da região a que mais cresceu em população, nos últimos anos. Junto deste aumento, surge a necessidade também da infra estrutura do município acompanhar esta demanda. Que o quesito " saúde" apresenta falhas não é novidade para ninguém. E volta e meia alguém sugere a estatização de nosso hospital. Entregar para profissionais da área, uma função que sobremaneira o poder público não cumpre.
Este assunto não é em vão, por estes dias, há seis anos o Ministério Público entrava com ação civil pública questionando a terceirização da saúde de Paiçandu, existente na época, fato que se consumaria posteriormente.
A concessão era contestada, visto que o hospital foi construído, equipado, e credenciado ao SUS, ou seja, recebia recursos públicos e era administrado por entidade particular.
Para a população que tem apenas os serviços públicos ofertados como opção, com certeza não se importa com quem manda ou deixa de mandar, ela quer apenas que seu direito a saúde se faça valer.

27 comentários:

JONAS ERALDO DE LIMA disse...

Feliz a sua colocação Ricardi, pois não importa como o serviço é prestado, o que realmente é se a população esta sendo atendida da maneira que ela merece, na nossa administração terceirizamos hospital Municipal, sendo na época considerado entre os dez melhores hospitais do Estado do Paraná, acontece que naquele momento era o melhor que poderiamos fazer para que nossa população tivesse o atendimento qe realmente merecia houve muitos comentários contra o Dr. Vieira, mas nessa epoca o Dr.Vieira, cuida com muito respeito noss povo e incrementava muitas ações em favorecimento da população, tais como cirurgias d e cataratas, varizes, e tantas outras que beneficiaram o nosso povo, e no entanto sómente entregamos ele a parte fisica do hospital ou seja o prédio e ele equipou o hospital,o qual semprr foi orgulho para nós em todos aspectos inclusive a limpeza, sendo que sómente recebia por aquilo que efetivamente havia realizado o serviços, pois os recursos eram repassados ao municipio e depois de auditados pela regional da saúde de Marínga e também pelo auditor do Municipio, assim a repassados ao Hospital Paiçandu do Dr. Vieira, assim sendo ele somente recebia aquilo que ele havia prestado de serviços.

Dr. Francisco Vieira Filho disse...

Jonas Lima falou tudo. Ele me ofereceu um prédio com 114 rachaduras. Funcionou como PA durante algum tempo, mas a prefeitura não tinha condições de equipar. Nós arrumamos o prédio, construimos poço artesiano, muros, 10 garagens área de lazer, e equipamos, além de credenciar junto ao Sus através do Dr. Marcelo(advogado da Camara) que intermediou junto ao deputado estadual Joel Coimbra. O prefeito Jonas Lima queria o Hospital arrumado, equipado e credenciado em 30 dias. Foi o que aconteçeu. Joel Coimbra credenciou o Hospital em 40 dias, pois o deputado de Paiçandu Marquinho Alves não participou de nada.Coimbra

Dr. Francisco Vieira Filho disse...

Como conseguimos tocar o São José? Certo dia um anônimo falou que eu enchia o bolso. Não é fácil manter um Hospital com essa tabela do Sus. Nós trabalhavamos com 400 AIHS, e a prefeitura assumia o PA com 41 mil. Fizemos convênios com muitas cidades . Bravin, Zebrão, De Paula, traziam diáriamente carros lotados de pacientes para cirurgias. Em Varizes fomos o primeiro lugar no Paraná. Teve um mês que fizemos 160 cirurgias de varizes.

Dr. Francisco Vieira Filho disse...

Todo paciente que atendiamos de outro municipio, recebíamos de imediato 1 AIH. Algumas pessoas maldosas falavam que estavamos atendendo tirando dos municipes o direito de ser atendidp. Ora, não tinha fila para cirurgia. Tinhamos 4 salas de cirurgias bem equipadas, cirurgias de Ortopedia, Varizes,cirurgia geral e Ginecológica

Anônimo disse...

O erro da tercerização do Hospital municipal na época não foi sobre quem administrou ou quem cedeu o hospital a terceiro, mas sim, pela existência de dois corpos em um só espaço físico ( um hospital publico e um privado no mesmo local), contrariando até mesmo a lei da física. Se o administrador particular na época tivesse aberto razão social de seu hospital em outro local e credenciado junto ao SUS para que o hospital municipal desse baixa, quem sabe todos estes aborrecimentos teriam sido evitados. Mas, para a população o que importa é que tenha um bom atendimento. Esperamos que este impasse seja solucionado e que a população tenha a ganhar um atendimento digno e merecido.

DR. FRANCISCO VIEIRA FILHO disse...

O anônimo de cima falou tudo.A culpa não foi do prefeito Jonas Lima, pois ele autorizou que o credenciamento fôsse feito no nome do Hospital Paiçandu. Achando que credenciando um Hospital Municipal seria mais rápido, o que não seria, pois o prestigio do Joel Coimbra na época credenciava um privado em 40 dias também. Aqui em Assai, fizemos certinho. Descredenciamos o Municipal e credenciamos a Oscip em 40 dias. Na verdade o que a promotora Elza se baseou para entrar com uma ação foram os repasses feitos pela prefeitura, apesar que o Sus pagava a produçãO diretamente à prefeitura>

DR. FRANCISCO VIEIRA FILHO disse...

estou torçendo aqui de Assai (150 kms) para que o Vladão consiga terceirizar o Hospital porque só assim ele vai sair do buraco. Já se vão 6 anos, pena que eu tenho compromissos com Assai até 3l de dezembro de 2.010. O poder público não tem competência para gerir um Hospital. Ver o Municipal de Maringá, não tem Centro Cirúrgico, não tem Ortopedia, é mais um depósito de doentes e dá um prejuizo mensal ao municipio de 1 milhão. O estado construiu um belo Hospital em Paranavaí e não teve competência para gerir, findou passando para a Santa Casa. Outros exemplos; hospital construido em Paranaguá e em Santo Antonio da Platina. Aqui na minha região temos vários municipais e nenhum funciona bem. Saõ Sebastião da Amoreira, São Gerônimo da Serra, Santa Mariana, Andirá, Jundiai do Sul. Todos mandam as cirurgias para o Pró Vida de aSSAI.

Dr. FRANCISCO VIEIRA FILHO disse...

O hospital Pró Vida de Assai substituiu um municipal sucateado. Naõ operava ninguém, não tinha especialidades, o rx funcionana 2hs. nos dias úteis. Não tinha eletrocardiograma. eletroencefalograma e ultrasson. Não tinha ortopedia, neurologista, cardiologista, oftalmologista, radiologista, pediatra, oftalmologista. Entrou o Pró vida que é fruto do fechamento do Saõ José de Paiçandu. Atendemos 40 municipios de 2 regionais de saúde. Operamos Otorrino; amigdala-adenóide, Septoplastia, Turbinectomia, Varizes, Mioma, Vesicula e na Ortopedia estamos fazendo uma revoluçâo; Operamos por Video artroscopia joelho além de próteses. Estamos querendo dentro de 30 dias começar operar por videolaparoscopia. Isso è um hospital privado que vai completar 4 anos.

DR. FRANCISCO VIEIRA FILHO disse...

NOS 5 ANOS QUE ADMNISTRAMOS O SÃO JOSÉ CONSEGUIMOS COM O DEPUTADO BALBINOTI EMENDAS FEDERAIS PAARA AS SEGUINTES AMPLIAÇÕES;1-CONSTRUÇÃO DE UMA UTI DE 10 LEITOS(PENA QUE ATÉ HOJE NÃO CONCLUIRAM) 2- CONSTRUÇÃO DE 4 ENFERMARIAS P/CIRURGIA OU L6 LEITOS 3- AMPLIAÇÃO DO CENTRO CIRURGICO{ CONSTRUÇÃO DE 2 SALAS CIRURGICAS]. CONSEGUIMOS UMA EMENDA COM O DEPUTADO FEDERAL PASTOR OLIVEIRA PARA A CONSTRUÇÃO DA ÁREA FISICA DA TOMOGRAFIA{iNFELIZMENTE FOI EMBORA.

DR. FRANCISCO VIEIRA FILHO disse...

EU TENHO QUE PARABENIZAR O RICARDI´POR LEVANTAR UM ASSUNTO DE TANTA IMPORTANCIA PARA A POPULAÇÃO DE PAIÇANDU.COMO EU SEI QUE TEM GENTE QUE É CONTRA, EU SUGIRO AO PREFEITO VLADÃO FAZER UMA PESQUIZA COM UM INSTITUTO DE CREDIBILIDADE QUEM SABE ALVORADA PESQUIZA CONSULTANDO A POPULAÇÃO E SE A POPULAÇÃO QUISER UMA PACTUAÇÃO PUBLICO PRIVADA DA MESMA QUE FOI FEITA EM SÃO PAULO PELO ALKMIN E TEVE APROVAÇÃO DE 85% DA POPULAÇÃO.

Anônimo disse...

PAIÇANDU TEM RUMO O QUE FALTA É ACHAR A DIREÇÃO CERTA.
PAIÇANDU PODE MELHORAR.BOA SORTE SUCESSO E UMA BOA ADMINISTRAÇÃO AO VLADÃO EMBORA NÃO TENHA VOTADO NELE.
O QUE TEMOS´DE FAZER ENQUANTO CIDADÃO É CONFIAR E COBRAR.

Anônimo disse...

Como tá no começo, o que o povo quer é hospital, atendimento. no são josé infelismente não tem isso. dá dó dos funcionários estão tudo estreçado. esses dias tinha tanta gente e muita demora, os coitados ficam sem saber o que fazer, e acbam tratando mal a população.

Anônimo disse...

o atendimento na secretari de saúde também é uma m. tem um povo ali que deveria tá trabalhando varrendo rua. não tens conhecimento nem disconfiometro. é que dá por cupinchas para trabalhar, devia ser gente treinada.

Anônimo disse...

VEJA A DIFERENÇA DO SÃO JOSÉ DO VIEIRA PARA O MUNICIPAL DO CÉLIO. O SÃO JOSÉ DO VIEIRA TINHA 4 SALAS DE CIRURGIA E FAZIA QUASE 200 CIRURGIAS POR MÊS. O MUNICIPAL DO CÉLIO TEM 2 SALAS E NÃO FAZ MAIS QUE 10 CIRURGIAS MÊS, ISSO INCLUINDO CESARIANAS. O SÃO JOSÉ DO VIEIRA TINHA UM RX DE 600.000 AMPÉRES EFAZIA TODO TIPO DE RX. O MUNICIPAL DO CÉLIO TEM UM RX DE 300.000 AMPÉRES E SÓ FAZ TÓRAX E EXTREMIDADES (OSSOS). O SÃO JOSÉ DO VIEIRA TINHA TOMOGRAFIA E O DO CÈLIO?

Anônimo disse...

Eu queria parabenizar o Jonas Lima por ter tido a coragem de terceirizar o Hospital São José. Eu me lembro que a secretária de saúde levou um pessoal na camara gritando "O Hospital é municipal" A Prefeitura não gastou nenhum centavo em equipamento e o hospital era referência na região. Pergunte aos vereadores de Maringá, inclusive alguns ainda estão na ativa como Bravin, Zebrão e o Carlos de Paula hoje vice-prefeito de Sarandi.

Anônimo disse...

O Hospital Pró-Vida de Assai onde o Vieira é diretor teve 90% de aprovação segundo o prefeito contou ao Vice-governador na semana passada,Como eu sei disso? Conversei com o Pessuti na visita a Londrina.

Anônimo disse...

quando quero assustar ou fazer medo pros meus filhos eu digo, "se não fazer isso vou levar no São Jose", e olha funciona melhor do que dizer que vou chamar o bicho papão.

Anônimo disse...

Se Assaí está tão bom, porque Dr. Vieira quer voltar???
E acontecia muitas coisas erradas, mas eles não contam nada...até cirurgia plástica dos seios...um ficava em cima e outro embaixo...

BOMBEIRO JUBIN disse...

A saúde deveria ser tratada como questão social, mas hoje a saúde no Brasil está ligada à estrutura economica, neste capitalismo que vivemos e que copiados dos EUA, o trabalhador nunca terá saude, pois sempre sera explorado, nas sua condições de moradia, alimentação,saúde e de trabalho onde sempre sera determinadas pelo desejo do patrão, onde salario é sinonimo de má-saúde, porque o salario já é sinonimo de exploração, na saúde já tivemos no passado historia triste de privatização, pena que o povo tem memória curta, onde o governo subsidiou grupos privados para construirem grandes hospitais através de fundo Faz Que, onde os medicos engordaram, pagaram suas contas, sucatearam os hospitais e deixaram somente dividas para nós pagarem, e se descrendenciaram do sistema,e agora as elites voltam novamente para não deixar o SUS que é um direito universal de saúde com direitos iguais de atendimento, nós precisamos pensar a saúde dentro da seguridade social,e neste contexto a Sociedade Civil Organizada tem a função de defender interesses sociais e fazer o municipio mudar Leis e Conceitos para melhorar a saúde e outros beneficios em prol da comunidade,portanto precisamos pensar e entender como funciona o sistema levando ao conhecimento dos cidadãos, para depois fazer a pergunta qual é melhor e o que queremos: UM SISTEMA DE SAÚDE PÚBLICA ONDE TODOS TEM O MESMO DIREITO OU SAÚDE PRIVADA, ONDE FAVORECEM APENAS, OS CARNICEIROS QUE QUEREM FAZER DA SAÚDE UM COMÉRCIO, E DEIXANDO O POVO QUE NÃO TEM CONDIÇÕES DE PAGAR PLANO DE SAÚDE A MINGUA.

BOMBEIRO JUBIN disse...

COMO DISSE BERTOLD BRECHT
" O pior analfabeto é o analfabeto politico.
Ele não houve, não fala, nem sempre participa dos acontecimentos politicos.
Ele não sabe que o custo do feijão, arroz, peixe, sapato, aluguel, agua, remédios etc. dependem das decisões politicas.
O analfabeto politico é tão burro que se orgulha e estufa o peito dizendo que odeia a politica.
Não sabe, o imbecil, que da sua ignorancia politica nasce a prostituta, o menor abandonado, o assaltante e o pior de todos os bandidos, que é o politico vigarista, pilantra, corrupto e lacaio das empresas nacionais e multinacionais"
Acredito que não precisamos pesquizar e nem sair do municipio para ver certas barbaridades cometidas

BOMBEIRO JUBIN disse...

A proposta do SUS é garantir o acesso as ações e servicos de saúde o mais próximo possivel da casa das pessoas, por isso é importante que o sistema seja organizado a partir de regiões conforme as caracteristicas epidemiológicas( causas que provocam doenças e mortedas pessoas), financeiras, culturais e geograficas, onde o Pacto da Saúde identifica quatro tipos de regiões sanitarias: intramunicipais, intraestaduais, interestaduais e fronteiriças.
Entretanto, como o principio da universalidade preve o direito à saúde para todos, quando não se tem disponivel determinado tipo de serviço no municipio, a Secretaria de Saúde precisa garantir aos usuarios o acesso ao serviço em outro municipio, portanto o sistema não é tão ruim é que no passado não tinha pessoas com interesse de se fazer um bom trabalho pelo municipio, por isso chegamos ao caos, portanto ao invés de se ficar contando vantagem com isso ou aquilo, devemos arregaçar as mangas e fazer o poder Legislativo e Executivo trabalhar da forma que atenda as necessidades da população

Anônimo disse...

O jobim escreveu tão bonito, só que não age como presidente do conselho de saude, o que ele apurou da morte do seu irineu no hospital,foi uma negligência,foi a gripe A, o que que houve na verdade dos fatos que ele apurou ou se ele não apurou nada.

BOMBEIRO JUBIN disse...

Voce é tão inteligente que eu substimo, Quem apura os fatos é Regional de Saúde e o Ministério Público, e para que isso ocorra precisa ser feito Bolentim de Ocorrencia na delegacia, por acaso o senhor informou a familia que deveria ser assim, pergunto isso porque o senhor é vereador e foi eleito para defender o povo, ganha muito bem por sinal, para apenas ficar criticando o sistema, o senhor tem todos os dias livres para fazer isso, diferente de mim que faço voluntariamente e nas minhas horas de folgas do meu serviço, o senhor por ser uma pessoa bem exclarecida deveria ter feito ou pedido para a familia fazer a denuncia, para apurar o que realmente aconteceu, em hospital diariamente está morrendo gente, pergunte ao doutor vieira se no hospital dele tambem não morre, porque caso isso não aconteça, é o unico do mundo (não só do Paraná e Brasil.

BOMBEIRO JUBIN disse...

Ao anonimo do dia 17/08/ 09 das 23:09, deve ser analfabeto politico, daquele que vende o voto por cachaça, e que tem plano de saúde para falar as besteiras que disse, só não sabe que quando precisar de cirurgia será o SUS que vai pagar, porque o plano dele é só para consulta, caso ache que estou mentindo simule que precisa de uma cirurgia do coração ou transplante, e vá perguntar ao seu plano se ele cobre.Caso isso aconteça eu aceito sua critica

Anônimo disse...

JUBIM, EU SEI DO SEU EMPENHO E DEDICAÇÃO, NO CONSELHO, VOCE E SEUS CONSELHEIROS (ALGUNS SÓ) ESTÃO DE PARABENS.
QUE DEUS TE ABENÇÕE E TE ILUMINE.

Anônimo disse...

Eu conheço o Jubim a 28 anos, sei de sua capacidade, dedicação,integridade e honestidade...Ele tem lutado pela saude de Paiçandu muito mais que alguns que ganham pra isso e não faz, gamha do povo e não trabalha pra o povo e outros que fica de longe botando pilha mas só ta pensando no dindim.

Adriana disse...

Fico triste de ver a saude resumida apenas como hospital. Hospital não trata de saude e sim de doença.Para se ter boa saude tem que evitar a doença e isso se faz na atenção basica(posto de saude e não no hospital.Para a tercerização, quanto mais doença melhor, para "o bolso" de quem toca o hospitaL.QUERO PARABENIZAR O CONSEHLO NA PESSOA DO JOBIM. FICO FELIZ DE SABER QUE VC. NÃO SE RENDEU AOS "INCANTOS" DO VIEIRA, QUE ESTA TÃO BEM EM ASSAI QUE QUER VOLTAR A TODO CUSTO. QUEM NÃO TE CONHECE QUE TE COMPRAS, SENHOR VIEIRA